sábado, março 13

Você Sabe o Que uma Pessoa Tetraplégica Sente Ao Fazer Sexo???

A tetraplegia não impede que homens e mulhers sintam prazer ou "tesão". O prazer é o mesmo, acontece que muitas pessoas tem vergonha do(a) parceiro(a) o que é ultra errado, pois se seu ou sua parceira(o) te deseja é porque o problema da tetraplegia não está e nem vai atrapalhar em nada o relacionamento de vocês. Acredito, que para os homens seja mais complicado do para as mulheres. Quando existe amor de verdade, não existe muros, não existe nada que possa separá-los . E aqui há depoimentos de várias pessoas que são tetraplégicas e que hoje tem os seus filhos e vivem muito felizes.

Flávia Cintra,  por exemplo, que ficou tetraplégica na adolescência, acha engraçado quando alguém pergunta o que fez para engravidar. Antes de responder “sexo”, com todas as letras, ela dá outra chance: "Você realmente quer que eu te conte?", brinca a jornalista e ex-modelo.

Mãe dos gêmeos Mateus e Mariana, 2 anos, Flávia perdeu o movimento total das pernas e parcial dos braços após um acidente de carro. Sua história inspirou o roteiro de Luciana, personagem vivida por Alinne Moraes na novela global “Viver a Vida”.

Na ficção, a jovem ainda vai descobrir que pessoas com deficiência física podem ter uma vida sexual prazerosa. “Reencontrei o prazer depois que aceitei a minha 'nova versão'. Como o meu corpo mudou muito, tive que me dedicar a conhecê-lo bem para voltar a estar segura”, conta Flávia.

Existem diversos tipos de lesão medular, a gravidade é determinada pela altura da vértebra atingida e a intensidade. Mesmo em casos em que há perda total dos movimentos do pescoço para baixo, a função sexual não é anulada. “O prazer é diferente do experimentado antes da deficiência física, mas continua existindo”, explica a psicóloga e pesquisadora Ana Cláudia Bortolozzi Maia, autora do livro “Sexualidade e Deficiências” (Editora UNESP).

Mara Gabrilli: "A essência não muda"

O caso da psicóloga e publicitária Mara Gabrilli comprova o estudo de Ana Cláudia. A falta de sensibilidade e movimentos não impediu que vivesse a sexualidade de forma plena. “Quando eu ainda estava na UTI, uma das coisas que mais ficou zoando na minha cabeça foi a questão sexual. Meu Deus, o que estava acontecendo com o meu corpo? Daí pedi para o meu namorado fazer uns carinhos em mim e percebi que eu ainda sentia tesão. Fiquei mais calma”, lembra.

Das primeiras carícias até a reconquista do prazer, Mara passou por diversas experiências. Explorar o corpo permitiu descobrir novas sensações na hora do sexo. “A forma de ter prazer mudou, mas a intensidade não. A essência da pessoa é a mesma independente da condição motora”, conta ela, que acaba de engatar um novo namoro, após sete anos de relacionamento estável.

O difícil recomeço e a escolha do parceiro

O psicoterapeuta tetraplégico Fabiano Puhlmann, autor do livro “A Revolução Sexual sobre Rodas”, destaca que a redescoberta do corpo passa por um processo lento e, muitas vezes, doloroso. “Primeiro vem o luto, o desespero, a negação. Não é fácil. O cadeirante só reconquista a vida sexual depois que se aceita diante do espelho e eleva a autoestima”, diz.

Segundo Ana Cláudia Bortolozzi Maia, psicóloga e especialista em sexualidade humana, um companheiro maduro poderá contribuir muito para a recuperação da parceira. “Ela vai precisar de cuidados e atenção até conseguir decifrar o seu corpo novamente. Além disso, um homem carinhoso consegue controlar a intensidade dos seus movimentos na hora do sexo, e isso evita que a parceira se machuque”.

 Quando ele é tetraplégico

A ereção reflexa, que acontece por meio de manipulação do pênis ou regiões próximas, pode permanecer nos homens. Contudo, relatos de pacientes indicam dificuldade em mantê-la. Em alguns casos é possível restabelecer o controle e a sensibilidade após algum tempo, conforme afirma Fabiano Puhlmann: “Vai depender da altura da lesão, mas alguns homens conseguem desenvolver um bom controle”.

A falta de ereção também pode fazer parte do quadro médico do lesionado medular. “Nesse caso, o uso de medicamentos estimulantes pode resolver o problema”, diz o psicoterapeuta.

A ejaculação também pode ser dificultada, ou ocorrer de maneira retrógrada - quando o sêmen vai para a bexiga e é eliminado na urina. “Se esse homem quiser se pai, terá que fazer uma coleta de sêmen direcionada por especialistas e seguir os procedimentos normais de inseminação artificial.

Fonte de pesquisa: Delas.ig/ Lulucha

sexta-feira, março 12

Quais os Primeiros Sintomas de um AVC - Como Ocorre???


Acidente Vascular Cerebral


O acidente vascular cerebral (AVC), conhecido popularmente como derrame cerebral, pode ser de dois tipos:

a) acidente vascular isquêmico – falta de circulação numa área do cérebro provocada por obstrução de uma ou mais artérias por ateromas, trombose ou embolia. Ocorre, em geral, em pessoas mais velhas, com diabetes, colesterol elevado, hipertensão arterial, problemas vasculares e fumantes.

b) acidente vascular hemorrágico – sangramento cerebral provocado pelo rompimento de uma artéria ou vaso sangüíneo, em virtude de hipertensão arterial, problemas na coagulação do sangue, traumatismos. Pode ocorrer em pessoas mais jovens e a evolução é mais grave.

Sintomas

a)acidente vascular isquêmico

·perda repentina da força muscular e/ou da visão

·dificuldade de comunicação oral

·tonturas

·formigamento num dos lados do corpo

·alterações da memória

Algumas vezes, esses sintomas podem ser transitórios – ataque isquêmico transitório (AIT). Nem por isso deixam de exigir cuidados médicos imediatos.

b)acidente vascular hemorrágico

·dor de cabeça

·edema cerebral

·aumento da pressão intracraniana

·náuseas e vômitos

·déficits neurológicos semelhantes aos provocados pelo acidente vascular isquêmico

Recomendações

·Controle a pressão arterial e o nível de açúcar no sangue. Hipertensos e diabéticos exigem tratamento e precisam de acompanhamento médico permanente. Pessoas com pressão e glicemia normais raramente têm derrames;

·Procure manter abaixo de 200 o índice do colesterol total. Às vezes, só se consegue esse equilíbrio com medicamentos. Não os tome nem deixe de tomá-los por conta própria. Ouça sempre a orientação de um médico;

·Adote uma dieta equilibrada, reduzindo a quantidade de açúcar, gordura, sal e bebidas alcoólicas;

·Não fume. Está provado que o cigarro é um fator de alto risco para acidentes vasculares;

·Estabeleça um programa regular de exercícios físicos. Faça caminhadas de 30 minutos diariamente;

·Informe seu médico se em sua família houver casos doenças cardíacas e neurológicas como o AVC;

·Procure distrair-se para reduzir o nível de estresse. Encontre os amigos, participe de atividades culturais, comunitárias, etc.

Fatores de risco

Os fatores de risco para AVC são os mesmos que provocam ataques cardíacos:

·hipertensão arterial

·colesterol elevado

·fumo

·diabetes

·histórico familiar

·ingestão de álcool

·vida sedentária

·excesso de peso

·estresse

Tratamento

Acidente vascular cerebral é uma emergência médica. O paciente deve ser encaminhado imediatamente para atendimento hospitalar. Trombolíticos e anticoagulantes podem diminuir a extensão dos danos. A cirurgia pode ser indicada para retirar o coágulo ou êmbolo (endarterectomia), aliviar a pressão cerebral ou revascularizar veias ou artérias comprometidas.

Infelizmente, células cerebrais não se regeneram nem há tratamento que possa recuperá-las. No entanto, existem recursos terapêuticos capazes de ajudar a restaurar funções, movimentos e fala e, quanto antes começarem a ser aplicados, melhores serão os resultados.

Fonte de pesquisa; Drauzio Varella

quinta-feira, março 11

Você Sabe o Que é A Síndrome de Estocolmo???

A Síndrome de Estocolmo (Stockholmssyndromet em sueco) é um estado psicológico particular desenvolvido por pessoas que são vítimas de seqüestro. A síndrome se desenvolve a partir de tentativas da vítima de se identificar com seu captor ou de conquistar a simpatia do seqüestrador. Pode ser também chamado assim uma serie de doenças psicológicas aleatórias.


O assalto a um banco, em 1973, é que deu origem ao nome da síndrome, recebeu este nome em referência ao famoso assalto de Norrmalmstorg do Kreditbanken em Norrmalmstorg, Estocolmo que durou de 23 de agosto a 28 de agosto de 1973. Nesse acontecimento, as vítimas continuavam a defender seus captores mesmo depois dos seis dias de prisão física terem terminado e mostraram um comportamento reticente nos processos judiciais que se seguiram. O termo foi cunhado pelo criminólogo e psicólogo Nils Bejerot, que ajudou a polícia durante o assalto, e se referiu à síndrome durante uma reportagem. Ele foi então adotado por muitos psicólogos no mundo todo.

A síndrome é relacionada a captura da noiva e tópicos semelhantes na antropologia cultural.

As vítimas começam por identificar-se emocionalmente com os sequestradores, a princípio como mecanismo de defesa, por medo de retaliação e/ou violência. Pequenos gestos gentis por parte dos captores são frequentemente amplificados porque, do ponto de vista do refém é muito difícil, senão impossível, ter uma visão clara da realidade nessas circunstâncias e conseguir mensurar o perigo real. As tentativas de libertação, são, por esse motivo, vistas como uma ameaça, porque o refém pode correr o risco de ser magoado. É importante notar que os sintomas são consequência de um stress físico e emocional extremo. O complexo e dúbio comportamento de afetividade e ódio simultâneo junto aos captores é considerado uma estratégia de sobrevivência por parte das vítimas.

É importante observar que o processo da síndrome ocorre sem que a vítima tenha consciência disso. A mente fabrica uma estratégia ilusória para proteger a psique da vítima. A identificação afetiva e emocional com o sequestrador acontece para proporcionar afastamento emocional da realidade perigosa e violenta a qual a pessoa está sendo submetida. Entretanto, a vítima não se torna totalmente alheia à sua própria situação, parte de sua mente conserva-se alerta ao perigo e é isso que faz com que a maioria das vítimas tente escapar do sequestrador em algum momento, mesmo em casos de cativeiro prolongado.

Não são todas as vítimas que desenvolvem traumas após o término da situação.

O caso mais famoso e mais característico do quadro da doença é o de Patty Hearst, que desenvolveu a doença em 1974, após ser seqüestrada durante um assalto a banco realizado pela organização militar politicamente engajada (o Exército de Libertação Simbionesa). Depois de libertada do cativeiro, Patty juntou-se aos seus captores, indo viver com eles e sendo cúmplice em assalto a bancos.

A síndrome pode se desenvolver em vítimas de sequestro, em cenários de guerra, sobreviventes de campos de concentração, pessoas que são submetidas a prisão domiciliar por familiares e também em vítimas de abusos pessoais, como mulheres e crianças submetidas a violência doméstica e familiar. É comum também no caso de violência doméstica e familiar em que a mulher é agredida pelo marido e continua a amá-lo e defendê-lo como se as agressões fossem normais.

Fonte de pesquisa: Wikipedia

terça-feira, março 9

Poema de Drummond sobre a Mulher

  • Achei tão lindo este poema do Drummond que até copiei do blog do Rodrigo Ropiva em homenagem ao dia da mulher.


Mulher (Carlos Drummond de Andrade)

Para entender uma mulher

é preciso mais que deitar-se com ela…

Há de se ter mais sonhos e cartas na mesa

que se possa prever nossa vã pretensão…



Para possuir uma mulher

é preciso mais do que fazê-la sentir-se em êxtase

numa cama, em uma seda, com toda viril possibilidade… Há de se conseguir

fazê-la sorrir antes do próximo encontro



Para conhecer uma mulher, mais que em seu orgasmo, tem de ser mais que

amante perfeito…

Há de se ter o jeito certo ao sair, e

fazer da saudade e das lembranças, todo sorriso…



- O potente, o amante, o homem viril, são homens bons… bons homens de

abraços e passos firmes…

bons homens pra se contar histórias… Há, porém, o homem certo, de todo

instante: O de depois!



Para conquistar uma mulher,

mais que ser este amante, há de se querer o amanhã,

e depois do amor um silêncio de cumplicidade…

e mostrar que o que se quis é menor do que o que não se deve perder.



É esperar amanhecer, e nem lembrar do relógio ou café… Há que ser mulher,

por um triz e, então, ser feliz!



Para amar uma mulher, mais que entendê-la,

mais que conhecê-la, mais que possuí-la,

é preciso honrar a obra de Deus, e merecer um sorriso escondido, e também

ser possuído e, ainda assim, também ser viril…



Para amar uma mulher, mais que tentar conquistá-la,

há de ser conquistado… todo tomado e, com um pouco de sorte, também ser

amado!”

Atenção Homens: Saibam Como Se Vestir para Qualquer Ocasião

Noite

Sempre prefira as roupas escuras para a noite e as claras para o dia. Existem peças de roupas adequadas para ambos os períodos. Com um blazer, por exemplo, é possível sair à noite com uma calça bege, que sozinha seria mais adequada para o dia. Para uma visita formal, contudo, prefira o blazer com calça cinza.

Calor

Nos dias quentes use uma camisa branca de corte esportivo, grandes bolsos ou o modelo sem colarinho. Já é comum serem usadas ambas as versões para fora das calças. Sobre a camisa, nos dias frios, coloque uma malha, um colete, sem o paletó, um cardigã ou um blusão.

Jeans

Cuidado ao usar o jeans. A composição de jeans e camiseta, é básica. Quando se usa um jeans, a maior preocupação é calçar os sapatos certos. O ideal é usar tênis ou dock-sider, ou sapatos de estilo esportivo. Tênis e meias brancas vão bem com jeans.A calça jeans pode ser usada com um blazer desde que com camiseta ou camisa em estilo mais esportivo. Quando usar camiseta, prefira branca sem estampa.

Meias

O uso das meias deve seguir a mesma regra adotada para o resto da roupa: não podem destoar. O ideal é que as meias tenham cores ou desenhos que não se destaquem do tom da roupa, sobretudo no estilo social. Recomenda-se escolher meias de cano mais longo. Ao contrário do que muita gente pensa, não é necessário combinar as meias com o cinto.

Gravata

A única coisa que deve chamar a atenção numa gravata é o bom gosto. Prefira materiais naturais, 100% seda ou lã. Descarte os sintéticos. A largura é aproximadamente cinco dedos na base, antes da ponta. O comprimento deve ser longo o suficiente para chegar e parar onde termina o cós da calça.

Os tons de gravatas que estão em alta:

- Gravatas lisas, sem estampa, em tecidos sedosos, adamascado ou em relevo

- Gravatas azuis, a escolha do tom pode ser do celeste ao Royal. Usadas com camisas azuis ou brancas, combinam com ternos beges, marrons, pretos ou cinzas

- Gravata azul marinho ou preta, usar com camisa branca, azul celeste ou no tom da gravata (sempre com ternos escuros)

Como usar as gravatas de modo correto:

- Use um terno discreto e seis gravatas vão permitir uma nova aparência a cada dia
- Se seu visual não amanheceu grande coisa, use gravatas com tons alegres; Camisas neutras, como beges e cinzas, valorizam o colorido das gravatas
- A ponta da gravata deve encostar no cinto
- O ponto correto do prendedor é a vinte centímetros do nó da gravata
- Desfaça o nó sempre que usa-las e guarde-as penduradas

Gravatas são acessórios baratos. Com pouco investimento modernizam. No inverno, devem ser usadas as gravatas mais discretas e com desenhos menores

Carteira

Carteira enorme no bolso traseiro compõe um visual deselegante, pois deforma sua silhueta. Elimine tudo que for dispensável ou até mesmo desnecessário.

Paletó

Você poderá repetir o mesmo paletó muitas vezes no trabalho. Mas não use dias seguidos. Dê ao menos 24 horas de “respiro” para as fibras se recuperarem. O objetivo é conserva-lo por mais tempo.

Traje esporte: você pode usar calça de brim, de veludo, lã, sarja, cáqui, camisas lisas ou pólo, peças em couro, malhas de lã e jaquetas. Bermudas e abrigos esportivos só na praia ou em ambientes muito descontraídos.

Sapatos na cor preta são usados com calças pretas, cinzas e azuis. Evite usar com jeans claro. É moda o look tom sobre tom, paletó, camisa, calça, e gravata nas mesmas tonalidades. No entanto, se você não souber combinar, é melhor não arriscar.

Traje Passeio: chamado também de esporte fino, ou tenue de ville, este tipo de vestimenta é composto de calças esportivas com blazer, jaquetas ou paletó esporte, com ou sem gravata.

O que é errado na moda masculina:

- Gravata escura com camisa quase da mesma cor

- Para os muito magros, roupas e look monocromático

- Para os gordos, estampas grandes e xadrez

- Para os baixos, camisas com os bolsos muito grandes

- Para os mais altos, gravatas muito finas

- Gravata com camisas de mangas curtas

Tente evitar:

- Camisa social de manga curta com gravata;

- Para os muito altos e/ou magros: listras verticais, estampas grandes em camisas, bermudas.

- Para os baixos e/ou gordinhos: listras horizontais

- Calça com bainha comprida demais, dobrando no sapato

- Usar cinto com cor diferente do sapato

- Look relaxado (camisa ou calça amassada, camisa desbotada, sapato sem engraxar)

Fonte de pesquisa: Na moda.com

domingo, março 7

Google Buzz Veio Para Desbancar o Twitter e o Facebook???


Google Buzz é o mais novo serviço da Google que, por enquanto, é integrado ao o Gmail e foi lançado o mes passado. O Google Buzz funciona como uma espécie de Twitter. Usuários compartilham com seus seguidores: links, textos, fotos, vídeos, comentários, etc. É uma espécie de blog para o Gmail, até porque não há limite de caracteres.E a gigante da Internet se lança em mais um novo desafio, desta vez ela quer desbancar o Facebook e o Twitter. O Google introduziu uma pitada de "redes sociais" no seu serviço de webmail, o GMail. O Google Buzz, como o novo serviço é chamado, integra ao GMail a funcionalidade de uma rede social como o Facebook, e a troca de mensagens como no Twitter. O Buzz promete ser um serviço que irá além de um simples sistemas de trocas de mensagens públicas ou privadas, e quem sabe consiga encobrir a decepção que foi o Google Wave.


O Buzz será uma nova pasta dentro do Gmail, beneficiando-se com isso, de uma base já consolidada de 176.5 milhões de usuários. Dentre as funcionalidades estão, seguidores automáticos (baseado nos contatos do GMail), experiência rápida de compartilhamento de conteúdo, divisão entre conteúdo público e privado, e integração com a caixa de entrada do GMail (notificações de comentários e novos posts). O Buzz possui integração com os principais serviços do google, como fotos (Picasa), vídeos (Youtube), encurtador de links (no caso, o uso do goo.gl), e leitor de feeds (Google Reader). Além dos serviços disponíveis no próprio Google, haverá a possibilidade de integração com serviços de terceiros, como o Flickr e até mesmo o Twitter. Seguindo a lógica dos outros serviços do Google, o Buzz também irá sugerir aos seu usuários, conteúdos de interesse.


Depois do Facebook, o Twitter tornou-se a mais nova preocupação do Google. Esse cenário torna-se mais preocupante para o Google, pois, enquanto o Facebook é uma rede social cujo conteúdo é teoricamente fechado e baseado em relações, o Twitter começa a se tornar um buscador de notícias em tempo real. Isso quer dizer que, com suas informações, o Twitter poderia criar uma concorrência perigosa para o gigante das buscas.

A Google oficialmente já ofereceu bilhares de dólares pelo Twitter, porém o serviço de microblog não está à venda, como afirma um dos fundadores Biz Stone. Essa oferta ocorreu depois de o Google deixar de lado o Jaiku, que na época da compra era o segundo serviço de microblog mais usado. Não deu certo.

Resta saber como o Google usará o Buzz. Embora particularmente não se sabe ao certo se dará  muito futuro, o Google mesmo que desesperadamente, como uma espécie de última carta na manga, está lançando sem fazer beta nem ter sido tão falado como o Google Wave, outro produto que não parece ter muito futuro.

Steve Ballmer, presidente da Microsoft, há alguns meses já havia ironizado a Google dizendo que ela é “cão de um truque só”, afinal não deu lá muito certo em nenhum outro segmento além das buscas,  afinal o Orkut é um grande fiasco fora e dentro do Brasil , ao contrário do Facebook que tem crescido muito, no segmento de vídeos teve de substituir seu serviço pela aquisição do YouTube.

Fonte de pesquisa: Google

Porque Você Ainda Está Solteira???

 Ela tem entre 30 e 40 anos, é bonita, inteligente, bem sucedida e solteira. Por trás de toda sua beleza e do estilo independente de vida, há uma mulher que sonha encontrar um grande amor com quem dividirá a pia do banheiro e constituirá família. O problema é que, por mais que sejam atraentes e 'bom partido', elas não conseguem encontrar um par. Afinal, o que acontece com essa geração de mulheres solteiras?

Vejam um exemplo: Gabriele tem 32 anos e mora sozinha. Também vai ao cinema sozinha. Passa a manhã de sábado na praia sozinha. Vai a casamentos sozinha. E janta sozinha. "Já me acostumei", diz Gabriele que não se aperta em nenhuma dessas situações - a não ser quando o pai pergunta quando vai ganhar um netinho. "A pressão familiar existe. Eu faço graça, saio de fininho, mas eles sabem que a questão da maternidade me preocupa. Mas como pensar em filhos, se ainda não tenho um parceiro de vida?". Ela não costuma sair à caça. "Fico em casa. Não creio que vá encontrar um namorado em boates ou bares da moda. Por enquanto, vou levando com calma e fé que vai aparecer alguém na hora certa", Só acho meio dificil, se ela não sai de casa ninguém vai tocar a campanhia da casa dela e dizer: Oi quer namorar comigo???

Que tipo de solteira você é? Faça o teste!
Algumas mulheres têm profissões que assustam os homens: são líderes, ganham bem, são 100% independentes. Quem não tem uma amiga bonita e independente que não consegue engrenar um namoro? Porque essas mulheres continuam solteiras??? Porque fantasiam demais. Eu mesma, tenho uma amiga linda, totalmente independente e sozinha. Tudo isso porque se o cara é bonito, ela diz que é galinha; se o cara é feio, diz que não pode aparecer com ele na sociedade. As mulheres têm mania de escolher um homem para mostrar para as outras e não para ter alguém que seja realmente companheiro. O homem não precisa ser rico e sarado, mas deve saber como tratar uma mulher. Às vezes é necessário mudar de atitude para conhecer a pessoa certa.

Veja se você não está tratando os homens como objetos. Outra coisa, se um homem se interessa por você, não finja que não está nem aí, pois a única a perder é você. Aprenda a se levar a sério, e mostre que você é uma mulher de verdade.

Se atrair olhares diferentes,mostre o quanto você é legal e agradável e faça o cara se interessar por você. Se receber um elogio retribua, dê um sorriso (homens adoram sorrisos). E boa sorte!!!

Fonte de Pesquisa: Bolsa de Mulher/Lulucha