domingo, maio 2

O Prazer de Saborear um Bom Maracujá

Todas as noites eu como um maracujá, acho uma delícia principalmente se você comê-lo da seguinte maneira: corte o topo da fruta até aparecer a polpa, adoce a gôsto, coloque uma dose de Vodka e coma a polpa com uma colher, mas não tire de dentro da casca.

Agora, se você quiser saber um pouquinho mais sobre essa fruta gostosa, aí vai um pouquinho de história.

Maracujá (do tupi mara kuya, "fruto que se serve" ou "alimento na cuia") é um fruto produzido pelas plantas do género Passiflora (essencialmente da espécie Passiflora edulis) da família Passifloraceae. O nome da árvore é também conhecido como Maracujazeiro.


É espontâneo nas zonas tropicais e subtropicais da América.

Cultivada também pela sua flor ornamental (tal como as outras espécies do mesmo género botânico), a Passiflora edulis é cultivada com fins comerciais, devido ao fruto, no Caribe, no sul da Florida e no Brasil, que é o maior produtor mundial de maracujá. O maracujá de uso comercial é redondo ou ovóide, amarelo ou púrpura-escuro quando está maduro, e tem uma grande quantidade de sementes no seu interio

O fruto é utilizado especialmente para produzir suco ou polpa de maracujá, às vezes misturada a suco de outros frutos, como a laranja. Acredita-se que o fruto possua propriedades calmantes.

Sua flor é considerada como a flor da paixão devido à sua forma: coroa de espinhos, cinco chagas, três pregos com que Jesus Cristo foi crucificado.

A flor do maracujá é polinizada unicamente por um inseto conhecido como mamangaba.

Outra coisa, par saber se o maracujá está bom ou não, veja o peso dele, quanto mais pesado mais polpa terá, Se estiver com o cabinho todo verde deixe-o um dia fora da geladeira. Caso contrário não precisa.

Curiosidades

Na cidade de Pirenópolis, durante a Semana Santa, é comum as pessoas utilizarem a casca do maracujá para fazer luminárias para as procissões, tradição dos séculos passados, quando ainda não existia energia elétrica.

Valor Nutritivo

Este fruto é fonte de vitaminas A, C e do complexo B. Além disso, apresenta boa quantidade de sais minerais (ferro, sódio, cálcio e fósforo)

Fonte de pesquisa; Wikipédia e Lulucha

Nenhum comentário: