segunda-feira, outubro 18

Punta Del Leste - Cidade Que Nunca Dorme

Punta del Este atrai amantes de cassinos, praias, baladas e vinhos


Punta del Este, no Uruguai, já é conhecida pelos turistas que gostam de arriscar a sorte nos cassinos, aproveitar o dia nas praias e badalar à noite. O destino também pode ser incluído no roteiro dos fãs do chamado enoturismo.

No cassino do hotel Conrad o jogador precisa comprar fichas que custam US$ 1

Para quem gosta de praia, é bom saber que a cidade é banhada pelo rio Prata e pelo oceano Atlântico. Essa característica serve de referência para entender os nomes das praias Mansa e Brava (a primeira tem águas calmas e a segunda, ondas mais fortes).
 Punta Brava - La Mano


Depois de passar o dia em uma das praias da cidade, o visitante pode gastar suas economias num dos cassinos da cidade. Se os dólares acabarem antes da vontade de parar de jogar, o cassino do Conrad Hotel, por exemplo, troca reais brasileiros por moedas de jogo. Cada moeda custa US$ 1. Moedas de outros países também são aceitas nos caixas dos cassinos.

Quem quer ficar longe das máquinas e mesas de jogos pode aproveitar a noite numa das boates, restaurantes e bares de Punta del Este. Na hora de escolher o programa é bom saber que o agito das casas noturnas começa depois das 2h. da manhã e vai até o sol raiar, geralmente, o pessoal começa a sair das praias às 21;00 hs.
                                                       


A região portuária é um dos points noturnos da cidade. Nessa área estão o Soho e o Moby Dick. Com música ao vivo, o Moby Dick lota todas as noites e o público acaba conversando e bebendo do lado de fora do bar.

Casapueblo


A cerimônia do sol é uma das maiores atrações da Casapueblo, de Vilaró
A Casapueblo, localizada em Punta Ballena, é parada obrigatória para quem vai a Punta del Este.

Criada pelo artista plástico uruguaio Carlos Páez Vilaró, a Casapueblo é um misto de restaurante, cafeteria, hotel e ateliê do artista.

Entre os pontos altos da visita está a cerimônia do pôr-do-sol que pode ser apreciada numa das mesinhas do bar ou nas cadeiras instaladas na varanda da casa. Enquanto o sol se põe, os visitantes escutam um poema gravado por Vilaró que faz uma homenagem ao sol.



Reza a lenda que Vinícius de Moraes se inspirou na construção de Vilaró para escrever a letra da música "A Casa". Branca e arredondada, a Casapueblo vale uma visita pelas formas inusitadas e pela vista deslumbrante.

Ilhas

Lobos marinhos fazem pose para turistas na zona portuária de Punta del Este

Os guias da  cidade   dizem com orgulho que Punta Del Este possui a maior colônia de lobos marinhos da América do Sul.

Uma amostra dos lobos pode ser conferida no porto da cidade, onde os animais parecem fazer pose para as câmeras dos turistas.
Os vendedores de peixe do local avisam que os animais estão acostumados a ser alimentados pelos turistas.


No porto também é possível contratar passeios de barco até a ilha de Gorriti, antigo refúgio de piratas. O passeio é vendido agora como a "ilha de Caras".

Compras e transporte

A principal via comercial de Punta é a avenida Gorlero. O visitante encontrará por lá lojas de roupas, sapatos, farmácias, acessórios, artesanato e lembrancinhas da cidade.

Para quem não quer fazer compras é possível fazer um pit stop nas galerias, cinemas, restaurantes, bares e sorveterias localizados na Gorlero e nas suas imediações.

A maioria das lojas aceita cartão de crédito, reais, dólares e pesos argentinos e uruguaios. Só é preciso tomar cuidado com o câmbio, pois cada estabelecimento usa uma cotação diferente.

Quem se cansou de andar a pé pode parar em alguma loja ou bar e pedir para o funcionário chamar um táxi por telefone --os carros não ficam circulando vazios pelas ruas em busca de passageiros. Com sorte, você conseguirá andar num Mercedes --marca muito comum entre os taxistas da cidade.

Não se vêem muitos ônibus em Punta. Mas é comum ver as pessoas andando a pé a altas horas da noite. Os guias de turismo avisam que a carona também é um meio recorrente de locomoção na cidade.

Mansões

La Mano, escultura na praia Brava, está entre os principais cartões-postais da cidade

Quem fizer o city tour de Punta é apresentado às mansões e casas luxuosas do lugar. Os guias se orgulham em listar os magnatas de diversas partes do mundo que possuem casa em Punta.

Entre os supostos proprietários de mansões em Punta, de acordo com os guias de turismo, estaria o mexicano Carlos Slim, segundo homem mais rico do mundo segundo a revista "Forbes".

Os moradores também se gabam da segurança local. Dizem que os milionários podem guiar seus carrões em Punta sem o risco de virarem alvo de criminosos. As casas também não são separadas por cercas nem muros.

Além das mansões, os guias fazem uma parada em frente à escultura "La Mano", encravada nas areias da praia Brava. O local está entre os favoritos pelo turistas na hora de tirar fotos da viagem

Fonte de pesquisa; Folha Online

Nenhum comentário: