quinta-feira, abril 9

Você

  • Tu vens caminhando ao longe...
  • Teu andar me fascina...
  • Teus olhos iluminam ...
  • As ondas do mar...
  • Teu gingado é um tormento...
  • Que sofrimento...

Seu rosto belo e faceiro...

Me faz pensar...

Nas ondas do mar...

Farei uma escultura tua, por inteiro...

Para que eu possa te contemplar.

  • Às vezes tímida...
  • Outras arrojada...
  • Tua humildade perante a tua beleza,
  • Significa pureza.
  • É isso que gosto em ti...
  • Lembra aquele dia em Parati?

E assim não mais que de repente...

Tu apareces feito serpente...

E me faz delirar...

Tu és uma loucura, mulher...

Me enlouquece, e aquece...

  • Tu és como um templo...
  • Voltado para o oriente...
  • Distante como nunca...
  • Eterno como o sempre...

Que subitamente...

Se aclara e movimenta...

Como se a chuva e o vento...

Cedessem seu momento...

À pura claridade...

Do sol e do amor intenso!

de Vinicius de Moraes adaptado por Lulucha

Nenhum comentário: